Erros comuns ao montar um portfólio

Sempre falamos sobre as coisas certas a serem feitas – mas e as erradas? Saiba o que não fazer ao criar um portfolio!

mulher visivelmente preocupada na frente de um laptop

Mais do que saber o que é um portfólio você precisa conhecer quais são os erros comuns ao montar o seu próprio. Isso porque, o sucesso dessa ferramenta vai implicar diretamente na quantidade de clientes que você vai conseguir.

Visando facilitar o processo de construção do portfólio, separamos nesse artigo seis falhas frequentemente cometidas por quem é novo nessa área. Entenda cada uma delas e saiba como evitá-las. Consequentemente, você verá o seu negócio prosperar.

Erros ao montar um portfólio

Quem deseja ter um portfólio empresarial ou profissional tem a intenção de exibir os trabalhos desenvolvidos e assim conseguir novos clientes. Mas também há os alunos que produzem portfólio escolar ou para a faculdade.

De uma forma ou de outra, é necessário estar atento aos principais erros que podem surgir com o portfólio. Evitando essas falhas você consegue certamente ter sucesso. Confira a seguir, detalhadamente, os seis erros mais comuns:

Escolher um site não responsivo

O primeiro erro ao montar um portfólio é escolher um site não responsivo. Geralmente, esse tipo de falha ocorre quando não se contrata um profissional da área, um web designer.

Para quem não sabe, um site responsivo é aquele que se adequa ao dispositivo em que ele é visto. Por exemplo, ele tem uma versão para computador, um para tablet e outro para smartphones.

Portanto, essas alterações de layout com relação ao tamanho das páginas facilita a visualização do usuário em qualquer que seja o aparelho. Como resultado, a experiência de navegação no site é melhor, levando o internauta a sentir vontade de voltar ou de fechar contrato.

Não dar créditos

Outra grave falha cometida em um portfólio é não dar créditos aos verdadeiros autores dos projetos. Além de indicar falta de ética do profissional, essa atitude pode acarretar em um possível processo judicial contra quem omitiu a referência.

Dessa maneira, é importante destacar a necessidade de sempre indicar os profissionais que estão envolvidos em determinado trabalho exposto. Mostrando o caráter do dono portfólio e exibindo a capacidade de se trabalhar em equipe.

Não descrever os projetos

Um erro bastante comum é não descrever os projetos apresentados, como se explicar os trabalhos não fosse importante. Na verdade, falar sobre como você desenvolveu determinada tarefa só tem a beneficiar o seu portfólio.

Por isso, peça ao web designer que ao planejar o site ele crie um espaço para que você possa descrever seus projetos. Explique aos seus possíveis clientes o que foi pedido, qual foi o processo de construção do trabalho realizado e como você chegou até o resultado final.

Além disso, você pode aproveitar e criar um blog dentro do próprio site de portfólio. Nesse novo espaço é possível abordar alguns temas referentes ao seu trabalho e até mesmo tirar algumas dúvidas dos internautas, criando uma interação com o seu público-alvo.

Usar imagens com qualidade baixa

As imagens com baixa qualidade prejudicam e muito a visualização de um projeto. Por exemplo, um trabalho de arquitetura em baixa resolução não chamará a atenção dos internautas. Pelo contrário, é mais fácil perder potenciais clientes devido a esse problema.

Por essa razão, busque investir em imagens profissionais. Caso você não saiba usar uma câmera, contrate um fotógrafo para realizar as fotos. E lembre-se sempre de dar os devidos créditos ao profissional.

Esquecer de atualizar o portfólio

Fazer um portfólio para vender seu trabalho é importante, mas mantê-lo atualizado é fundamental. Isso porque, esse espaço deve servir como uma ponte entre você e seus possíveis clientes.

Sendo assim, cada novidade que surge é uma forma de se comunicar com o seu público. Em outras palavras, você precisa manter as pessoas que lhe acompanham sempre informadas sobre os trabalhos desenvolvidos.

E é possível manter o portfólio atualizado sem ter trabalhos recentes. Nesse artigo publicado aqui no Criar Portfólio ensinamos como montar um portfólio profissional sem trabalhos reais.

Falhar no português

Por fim, mas um erro bastante comum: falhar no português. As vezes esses erros podem acabar afastando um cliente que estava interessado no seu trabalho. Por essa razão, preste muita atenção ao redigir um texto dentro do portfólio.

Ler, revisar ou pedir para outra pessoa dá uma olhada podem servir para garantir uma boa escrita. Mas além de dominar a gramática, saiba como conversar com seu público-alvo.

Por exemplo, se você trabalha com design ou fotografia pode usar uma linguagem mais informal com os internautas. Já se o seu trabalho se destina a empresários, a comunicação deve estar mais próxima do formal.

letreiro com o texto "portfolio"

O que é portfólio e por que usá-lo?

Portfólio é um conjunto de trabalhos realizados por um profissional ou empresa. E dependendo da plataforma em que é disponibilizado, ele pode servir para atrair futuros clientes.

Uma das maneiras mais eficazes de se conseguir esse objetivo é exibindo o portfólio online. Como todas as pessoas estão muito próximas devido à internet, as chances de fechar contrato aumentam.

Além disso, agora você já sabe quais são os erros mais comuns ao montar um portfólio. Portanto, sabe exatamente o que não deve ser feito nessa ferramenta e o que pode dar certo nos negócios.

Receba posts por e-mail!

Digite seu endereço de e-mail para receber notificações de novas publicações por e-mail.

Deixe seu comentário